Fantasia, we LOVE you!

Frontieres Logo 2

Foi na Segunda-feira que recebemos o mail do FRONTIÈRES CO-PRODUCTION MARKET a avisar que tínhamos sido um dos 12 projectos que serão apresentados durante o FANTASIA INTERNATIONAL FILM FESTIVAL quem tem lugar todos os anos em Montreal, Canadá. O press release oficial foi feito ontem em pleno Festival de Cannes.

O Fantasia é um dos maiores e mais prestigiados festivais dedicados a cinema de género, e onde os melhores filmes de terror do mundo inteiro costumam ser apresentados.

O Frontières é um mercado de co-produção e para esta 4ª edição, os 12 projectos seleccionados foram divididos em dois grupos: seis projectos da América do Norte e seis projectos europeus – 12 no total. Esta foi também a edição que bateu o recorde de projectos submetidos, facto que nos enche de ainda mais orgulho.

cropped-cropped-frontieres-brusselsmontreal-small

THROUGH THE EYES OF A CHILD é um projecto que temos estado a desenvolver nos últimos dois anos e que faz parte de um conjunto maior de projectos que a BAD BEHAVIOR quer dar aos espectadores de cinema de terror de todo o mundo. Esta será a segunda longa-metragem de João Alves – sendo que a primeira, RED PARTY, está agora a dar os primeiros passos. A nossa estratégia é nunca parar de criar e desenvolver projectos de terror (de qualidade, claro!), pondo-os em marcha com segurança e com toda a dedicação que somente os fãs do cinema de terror podem dar.

É com enorme prazer que saudamos os outros 11 projectos seleccionados e esperamos conhecê-los em Julho.

The full selection of Frontières projects is as follows:

Dead Noon (Luxembourg)
Director/writer Jeff Desom (first feature), producer Bernard Michaux – Lucil Film

Emergence (Lithuania)
Directors/writers Kristina Buozyte & Bruno Samper, producer Leva Norviliene – Tremora

Extra Ordinary (Ireland)
Directors/writers Mike Ahern & Enda Loughman (first feature), producers Ailish Bracken & Katie Holly (EP) – Blinder Films

The Extractor (Quebec)
Directors/producers Gavin Michael Booth & Mark A. Krupa – Mimetic Entertainment, writer Mark A. Krupa

The Godless (UK)
Director Simon Rumley, writer Dan Schaffer, producers Bob Portal – Fidelity Films & Tim Dennison – Tall Man Films

Love Sick (US)
Director/writer Todd E. Freeman, producers The Brothers Freeman & Lara Cuddy – Polluted Pictures, executive producer Michael Glynn Macdonald

The Offing (US)
Director/writer/producer David Prior (first feature), producer Jeremy Platt

Print the Legend (Germany)
Director/writer Andreas Schaap, producers Michael Dupke & Benny Theisen – Little Bridge Pictures and Simon Amberger – Neuesuper

Revelations (Canada)
Director/executive producer George Mihalka, writer Al Kratina

Rite of the Witch Goddess (Canada)
Director James Sizemore, writers James Sizemore & Katarina Gligorijevic, producers Katarina Gligorijevic & Tim Reis – Ultra 8 Pictures

Through the Eyes of a Child (Portugal)
Director João Alves (first feature), writer/producer Paulo Leite – Bad Behavior (first feature)

Vaporetto 13 (Quebec)
Director/writer Gabriel Pelletier (based on the novel by Robert Girardi), producer François Ferland – Novem

About these ads

Etiquetas: , , ,

2 Respostas to “Fantasia, we LOVE you!”

  1. Joao Rapaz Says:

    Em 1ro lugar muitos parabéns. Não só pelos frutos da luta mas também pela luta em si. Luta essa que acompanho há uns anos e que sempre fizeste questão de ir comunicando e divulgando. É muito importante que i faças e faz parte de um conjunto de “comunicação positiva e construtiva” que penso ser extremamente importante para a nossa indústria cinematrográfica e mesmo para todas as outras. É, só por si, um bom exemplo.
    Sempre disse, e cada vez acredito mais nisso, que boas coisas acontecem a quem merece. E onde se lê “a quem merece” deve ler-se “a quem se mexe”.
    Nos últimos tempos presenciei vários exemplos de iniciativas, quer isoladas, quer colectivas, que depois de muito esforço e preserverança, chegam a bom porto. Num país que se focou na crise e nos queixumes, é bom ver exemplos positivos como os Vossos, como a Odisseia, como o Capitão Falcão… e como alguns dos quais sei estarem a desenvolver-se e ainda não tenho autorização para os divulgar, mas que são bons, ambiciosos e inovadores.
    Encho o peito de orgulho colectivo de fazer parte de alguns deles e da nossa indústria do Cinema Fantástico.
    A nova geração de profissionais e criativos cedo se apercebeu que a dita Crise quase nada mudou para quem já há bastante tempo ouvia repetidamente dizer “Queremos muito trabalhar contigo mas não há dinheiro”. Ou “Isto vai ser muito bom para o teu C.V.”
    Aprenderam que, para trabalharem de graça mais vale trabalharem nos seus próprios projectos e inovarem e fazerem progredir a situação e promover a nossa boa imagem, quer cá dentro, quer lá fora.

    É preciso acreditar que é possível, lutar muito e ouvir o nosso coração.

    Bem haja a Bad Behaviour e a sua força interior e motivação.
    Um Forte Abraço.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 564 outros seguidores

%d bloggers like this: