“Chambre Jaune” – uma curta-metragem de Hélène Cattet e Bruno Forzani.

Em 2009, Hélène Cattet e Bruno Forzani realizaram um filme que homenageava o cinema Giallo. O filme se chamava AMER (2009) e foi sem dúvida, uma das melhores surpresas do ano dentro do género. No entanto, em 2002, esta dupla realizou uma curta-metragem belga muito especial: CHAMBRE JAUNE.

O filme prenuncia o estilo denso e pouco usual que privilegia as sensações acima das convenções narrativas – com excelentes resultados. Trata-se de uma história de desejo, entrega e submissão com resultados violentos 🙂

Cá está ele:

Advertisements

Tags: , , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: