2 – Investir em cinema de horror europeu.

Todo investimento está sujeito a riscos. No entanto, um portfolio de investimentos diversificado que respeite os períodos de tempo apropriados consegue reduzir os riscos na mesma medida em que aumenta os ganhos. Já pensou alguma vez em investir em cinema de terror europeu?

Costuma-se dizer que cinema é um negócio arriscado. Mas se olharmos bem para o passado recente, os maiores riscos (e talvez as piores decisões que já vimos) estiveram do lado de empresas e instituições consideradas seguras e respeitáveis… dos gigantes Merrill Lynch e Lehman Brothers ao nosso Banco Privado Português. Da General Motors ao desastre da BP. Da crise no mercado de imóveis ao colapso da Grécia. As políticas económicas em diversos países falharam e moedas como o Euro continuam a lutar. Desta forma, uma maneira ultrapassada de pensar diz-nos que cinema é demasiado arriscado. Mas a realidade, por outro lado, mostra-nos diariamente que na economia global do século XXI o risco está por toda a parte. Tendências tecnológicas e o mercado de acções mudam num piscar de olhos. Os filmes, no entanto, são um produto que se vê e sente.

Nós trabalhamos noutro nível: somos uma parte essencial da indústria do entretenimento global.

O cinema de terror é tradicionalmente o género com maior retorno sobre o investimento. Por quê?

  • Primeiro, porque dependemos menos do valor de produção mais caro de todos: as estrelas. Comédias, dramas, filmes de acção e outros géneros necessitam de estrelas. O cinema de terror, não. Pense nos maiores sucessos mundiais do género nos últimos 15 anos, THE BLAIR WITCH PROJECT e PARANORMAL ACTIVITY. Nenhuma estrela. Agora regressemos a clássicos como HALLOWEEN, THE TEXAS CHAINSAW MASSACRE ou NIGHT OF THE LIVING DEAD e novamente: nada de estrelas. Pense nos melhores filmes de terror europeus dos últimos dez anos, [REC], LET THE RIGHT ONE IN, LA HORDE e muitos outros… nenhuma estrela.
  • Segundo, porque o nosso maior valor é a criatividade. Aqueles que chegam até nós, vêm por causa de uma história assustadora.

Temos públicos pelo mundo inteiro ansiosos por encontrar novas histórias, novas premissas e novos sustos. A procura por inovação é enorme enquanto que, ao mesmo tempo, o público corre aos cinemas para ver remakes de clássicos. Nem toda a gente gosta de terror… mas mesmo assim, muitos gostam. O género é um dos mais estáveis de todos. Westerns e musicais vêm e vão. O cinema de terror mantém-se.

  • Terceiro, o horror é o tipo de experiência que o público dificilmente encontra fora do cinema ou da literatura. Comédia e acção estão disponíveis noutros média (como a TV, por exemplo). Mas no caso do horror, o público procura o cinema antes de qualquer outra coisa.
  • Quarto, apesar do que pode parecer, muita gente gosta de cinema de horror. O horror é o desporto radical do espírito. Nós necessitamos de horror, em maior ou menor medida, de forma a aumentarmos a nossa experiência do mundo. Toda a gente necessita de um pouco de horror para contrabalançar o fluxo de todos os outros géneros consumidos.

Estas são apenas algumas das razões pelas quais o cinema de terror é um género tão popular – e um ramo de negócio tão sério.

Sim, o cinema pode, por vezes, parecer um negócio arriscado… mas na BAD BEHAVIOR nós seguimos o mercado com muita atenção, de forma a compreender as suas necessidades e possibilidades. Estamos empenhados em criar novos conceitos e histórias que irão motivar no público aquele sentimento irresistível de “uáu, tenho mesmo que ver isto”. Por outras palavras, damos o nosso melhor para criar filmes em perfeita sintonia com o mercado – mantendo o seu investimento mais seguro.

O cinema de terror europeu atravessa uma óptima fase. Mostrámos com sucesso ao mundo que não competimos com Hollywood. Por quê? Porque oferecemos histórias e estilos que não se encontram na América. Possuímos uma melhor relação entre custo e eficácia e fazemos filmes mais sofisticados e singulares. Pense no filme sueco “LET THE RIGHT ONE IN”, nos franceses “MARTYRS” e “HAUTE TENSION” ou nos espanhóis “[REC]” e “EL ORFANATO”. O cinema europeu provou que consegue produzir experiências assustadoras capazes de provocar um arrepio na espinha dos espectadores no mundo inteiro.

Na BAD BEHAVIOR, a nossa missão é produzir alguns dos clássicos do cinema de horror europeu de amanhã. Trabalhamos muito para dar ao espectador filmes incríveis e novos conceitos. Estamos à procura de investidores que partilhem esta visão e que trabalhem connosco. Oferecemos a segurança da paixão por aquilo que fazemos; a segurança de quem está próximo do mercado; a segurança de estar próximo do público; a segurança de sermos uma empresa pequena e leve onde o investidor sabe o que estamos a fazer; a segurança de uma gestão cuidada e prudente do seu investimento.

Queremos que se junte a nós nesta grande jornada.

Paulo Leite.

Produtor Criativo.

BAD BEHAVIOR.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: